NOSSO FACEBOOK!

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Confira Resumo da "Femme Fatale Tour" Com Setlist Oficial

Sua Reação Foi: 
Vídeo de abertura:
O show começa com o vídeo exibido no telão com as palavras ‘O jogo do rato e gato”. Um homem olha Britney pela câmera de segurança, e tem a intenção de capturá-la. Britney foge dos policiais com um lindo maiô, além de segurar uma arma. Britney corre, porém é capturada e começa ‘Hold It Againt Me’.

Hold It Against Me:
Britney começa a música surgindo no meio dos telões principais, como nas apresentações promocionais do álbum. A cadeira elétrica está de volta, mas dessa vez ela faz parte de todo o conjunto do show. Existe um pequeno elevador que leva a cantora para o centro do palco na segunda parte da música. A coreografia é a mesma usada nas performances promocionais, porém com muito mais energia e sem erros. É uma abertura muito animada.

Up N’ Down:
Britney está em uma jaula nessa música. A coreografia é bem sexy até ela enganar o policial e fazer ele se prender com sua algemas. É uma performance bem divertida e se encaixa em todo o contexto do show. Britney caminha bem sexy pela esteira central até chegar no palco B e perguntar para a platéia “Como vocês estão? Eu não estou ouvindo!” E então começa “3”.

3:
Nova coreografia com um sobretudo branco e um chapéu. A música é apresentada toda no palco B. Não foi uma das melhores, pois existem tantos momentos épicos que essa música fica um pouco apagada. 

Piece Of Me:
Ela tira o sobretudo e coloca uma máscara como a de “Freakshow” da Circus Tour. Apenas um trecho da música é apresentada. Uma pequena plataforma desce até o palco B e leva Britney até o palco principal, aonde ela troca de roupa mais uma vez para a próxima música.

My Prerogative (Interlude):
O rapaz não se lembra muito bem sobre o vídeo, exceto que ele é bem curto e mostra mais uma vez o perseguidor de Britney falando algumas coisas.

Big Fat Bass:
Também é a mesma performance das apresentações promocionais do álbum, porém com muito mais energia. Pense na apresentação do Jimmy Kimmel, porém 10 vezes melhor. Britney sai da caixa de som com uma jaqueta rosa, que é tirada no final da música. O break é bem elaborado. O remix é o mesmo das performances, porém não temos o mix de “Slave” nem “3”. Foi uma das favoritas da platéia, e é apresentada toda no palco principal.

How I Roll:
Outra favorita! Movimentos fofinhos, porém com muita energia. Eles tiveram problemas com o carrinho rosa que transporta Britney na música, então a cantora teve que caminhar sobre a esteira. No final da música Britney disse para a platéia: “Desculpem sobre as peças que estão faltando. Meus funcionários não devem saber como colocar os acessórios no palco. Alguém quer me ajudar a encontrar alguém da platéia para me ajuar com os acessórios?. Então ela conversa um pouco com uma dançarina sobre alguns caras da platéia. Essa parte é parecida com a da Onyx Hotel aonde ela fala “Eu me casaria com você”, assim, eles escolhem um homem e o levam para o palco.

Lace And Leather:
O escolhido senta no banco e Britney dança bem sexy para ele. Soa melhor que “Breath On Me” na Circus Tour. A apresentação tem movimentos bem sexys, com muita energia e Britney batendo cabelo. Apenas um trecho da música é apresentado. A performance acontece toda no palco B.

If U Seek Amy (Cabaret Remix):
Essa é um dos destaques do show. A música foi remixada no estilo Cabaret. É difícil de explicar. Britney veste uma saia parecida com a de Marilyn Monroe e os dançarinos estão todos com roupas coloridas. Eles ficam tirando várias fotos dela, enquanto a plataforma levanta seu vestido. Ela parece estar se divertindo muito nessa música. A apresentação é toda no palco principal.

Vídeo de transição:
O vídeo mostra o perseguidor falando sobre as ‘Femme fatales’ que fizeram história. Então ele fala sobre o Egito e as mulheres que seduzem as pessoas. Nessa hora entramos no cenário do Egito.

Gimme More (Get Naked/Egito Remix):
Mais um grande destaque do show. A platéia foi ao delírio por motios óbvios. O remix é delirante! Soa como se tivessem usado o instrumental de “Get Naked”. Agora temos ouro em todos os lados do palco. É muito brilhante e bonito visualmente. Um barco egípsio é usado para leva-la ao palco principal. Temos pouca coreografia nessa música, ela é mais teatral. Britney veste uma jaqueta dourada e a tira no meio da música. Temos muitas luzes coloridas em volta de Britney e a música é toda apresentada no palco principal.

(Drop Dead) Beautiful:
Um momento muito sexy no show. Britney dança com alguas molduras de quadros enquanto no telão são exibidos homens nús. Aparentemente não são os dançarinos, apenas alguns caras avulsos. Sabi aparece no palco B durante a sua parte da música. A performance é toda no palco principal, até o final, aonde ela caminha para o palco B e vemos um divã roxo.

He About To Lose Me:
Mais um momento de destaque. A performance toda é no palco B e em cima do divã roxo. Surgem algumas peças nos dois lados de Britney e alguns dançarinos fazem acrobacias enquanto ela canta. Britney está muito sexy, lembra “Touch Of My Hand” e “Breath On Me”. Deu para ouvi-la cantando alguns trechos, especialmente no refrão. Ela cantou em falsete, por isso deu pra ouvir com mais precisão. É uma performance simples, mas muito elegante.

Boys (Arabian Remix):
Britney é uma encantadora de serpentes nessa música. Há varias peças de ouro pelo palco, mas não temos cobras saindo, e sim seus dançarinos. A performance é bem teatral e toda apresentada no palco principal.

Don’t Let Me Be The Last To Know:
Mais um momento de destaque do show. Britney se apresenta num pequeno balanço metálico, enquanto o dançarino Adrien Galo a empurra para frente e para trás. Foi usado um vocal pré-gravado, porém dá para ouvi-la cantando, mais uma vez. Foi uam das favoritas da platéia, além de ser uma música inesperada. Dá pra lembrar de “Everytime” e foi toda apresentada no palco principal.

Me Against The Music (Interlude):
O vídeo mostra Britney no quarto do hotel mudando sua identidade. Ela está em uma moto e está muito linda, com a maquiagem e o cabelo perfeitos. O perseguidor ainda a olha pelas câmeras de segurança.

…Baby One More Time (Rock Remix):
Uma performance muito empolgante! Toda apresentada no palco principal. Existem muitas motos no palco e Britney está muito confiante dançando. A música não é toda executada pois no meio dela começa “S&M”.

S&M (Remix):
É a continuação de “…Baby One More Time”. Muita energia e muita cor na apresentação. A música começa no verso “Just one night full of sin”. Essa é uma das únicas músicas em que o vocal original foi preservado, pois é muito dificil de se cantar e podemos entender. A apresentação é no palco principal.

Trouble For Me:
Mais uma performance visual. Temos muitos lasers coloridos na arena enquanto Britney dança muito bem no palco B. É como se fosse uma briga entre homens e mulheres, até que ela vai para o palco principal.

I’m a Slave 4 U:
Mais um destaque! A versão da música é a original, sem remix. Foi toda apresentada no palco principal e inclui toda a coreografia original também, incluindo o refrão final, que Britney não fazia desde 2004. Essa performance fez a alegria dos fãs.

Burning Up:
A performance para a música cover de Madonna é bem fofa. Britney canta a música em uma guitarra gigante que fica rodando no palco. Outra canção que dá para notar que ela estava cantando por cima.

I Wanna Go:
Britney leva seus fãs ao palco nessa música. Não temos muita coreografia, é mais diversão. Surgem 5 fãs do lado direito do palco e ela pula com eles no refrão. Então vai para o lado esquerdo e encontra mais 5 fãs, até ir para o palco B e ficar pulando com todos eles juntos.

Womanizer (Eletro/Trance Remix):
Outro destaque. A coreografia é maravilhosa, provavelmente a melhor que ela já fez durante os últimos anos. Os movimentos não são muito complexos, mas ela fez tudo com muita energia e convicção. Policiais dançam com ela, mas não é como na Circus Tour. Ela vira de costas e se curva, coisa que não fazia a anos. Uma das melhores performances e foi toda executada no palco B.

Scary (Interlude):
Britney está usando um kimono enquanto a música toca ao fundo. Ela aparece atrás do perseguidor e coloca um pano em sua boca, enquanto fala algo do tipo “Te peguei”.

Toxic:
Ninjas e mulheres de kimono dançando. Dança cultural japonesa e no refrão Britney usa a esteira central, lutando com um dançarino, usando um bastão, e ela “ganha” dele. Ela tira o kimono e revela seu figurino com LEDS.

Till The World Ends:
Começa no palco Bo com a versão original da música. É a mesma coreografia das apresentações. Ela vai para o palco principal e diz “Reeeemixxx”  e a música muda para a versão com Nicki Minaj no telão. Ela usa as asas de anjo, e pousa no palco B para o final da música. Temos muitas luzes coloridas. Ela agradece a platéia, volta ao palco principal, vai para a parte inferior do palco e se despede, enquanto o logo ‘Femme Fatale’ desce ao palco com cores brilhantes enquanto a música termina.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...